quarta-feira, 4 de março de 2020

Parece criança!

Quantas vezes ouvi meu pai dizer com tom de brincadeira "Parece criança!", depois de me ver chamando à atenção dos meus filhos fazendo alguma "arte"! Pensando bem, percebi que muitas vezes brigamos com nossos filhos à toa, reprimindo a sua própria natureza que é ser criança! Às vezes pelo simples tom de voz deles... Parece que queremos que se comportem como adultos.
É claro que devemos nos atentar às atitudes perigosas (por sinal sou bem neurótica e meu marido pior ainda 🤭, local onde estão... enfim, mas usando o bom senso, devemos deixá-los um pouco mais livres para serem crianças!
Esses dias meu filho ia sair pra brincar na rua e estava de chinelo, eu o parei na porta e falei pra ele que aquela brincadeira não iria dar certo de chinelo, porque outra vez caiu correndo de chinelo e machucou todo o joelho! Ele falou que ia colocar tênis, eu falei que não porque o tênis era novo e só estava com aquele no momento, porque o outro rasgou! Falei pra ele procurar alguma brincadeira dentro de casa. Ele olhou pra mim e disse “Mãe, eu sou criança!”. Ai que dó! Nossa que chatice a minha! Acabei deixando com algumas recomendações 😊! Tenho que me policiar!
E quando de longe, ouvimos alguns gritos e já chegamos brigando... várias vezes era só grito de alegria porque conseguiu alguma vitória em jogo, mas vamos no automático! Temos muito o que melhorar!
Podemos acabar criando sentimentos, emoções que irão afetá-los por toda a vida! Às vezes acabo fingindo que não estou vendo pra não chamar à atenção e reprimi-los, mas fico de olho! Comigo acontece assim, e com você? Você deixa seu filho livre para ser criança ou reprime demais?

Nenhum comentário:

Postar um comentário